Fundação Verde Herbert Daniel

1.A extraordinária riqueza cultural do Brasil vem sendo duramente corroída pela falta de apoio adequado e pela ação de variados predadores culturais. O poder público não pode estar ausente do apoio à produção cultural e artística mas também não pode ser um canal hegemônico para tanto. Deve haver apoio e subsídio às atividades culturais e artísticas de reconhecido interesse público e comunitário que tenham dificuldade de se viabilizar através do mercado. Por outro lado o poder público deve zelar para que as iniciativas culturais e artísticas que apóie sejam elementos de afirmação da democracia, da tolerância, da paz e da preservação do meio ambiente.

O poder público deve estimular a democratização dos meios de comunicação social, particularmente da mídia eletrônica.
Cabe:

a) fomentar o livre florescimento da cultura e das artes, criando novos espaços culturais e dando apoio ao cinema, teatro, literatura, artes visuais e musicais e financiando projetos escolhidos por rigoroso concurso, sem práticas de compadrinhagem e tráfico de influência;

b) difundir os valores da defesa do meio ambiente, da não-violência, da fraternidade e solidariedade humana e do respeito à diferença;

c) democratizar e descentralizar os meios de comunicação de massa permitindo o acesso dos cidadãos a rádios e TVs livres procurando propiciar uma situação onde muitos cidadãos possam se dirigir a muitos outros cidadãos;

d) adotar mecanismos de desestímulo e taxação sobre "enlatados" de TV estrangeiros que explorem a violência;

e) por fim à tutela exclusiva do poder político sobre as concessões de TV e rádio;

f) determinar a difusão gratuita, em horário nobre, de mensagens educativas relativas à prevenção de acidentes e respeito às regras de trânsito, educação ambiental e sanitária e outras mudanças comportamentais em escala social que sejam fundamentais para dar mais segurança e melhorar a qualidade de vida;

g) defender a cultura em todas suas manifestações artísticas e religiosas, independente de sua origem étnica;

h) combater o racismo contra negros, índios, judeus, orientais, ciganos ou quaisquer outros que deve sofrer repressão enérgica e ser objeto de uma constante campanha educativa ensinando o respeito e a tolerância;

i) defender a liberdade sexual, no direito do cidadão dispor do seu próprio corpo e na noção de que qualquer maneira de amor é valida e respeitável;

j) por fim à discriminação do deficiente físico ou mental bem como ao preconceito de que não seriam aptos ao trabalho, à criatividade e à vida afetiva;

k) combater a discriminação contra o idoso.

l) defender os direitos à cidadania plena de todos os portadores de doenças estigmatizantes contra quaisquer formas de discriminação dentro e fora do mercado de trabalho.

Exibições: 205

Responder esta

Respostas a este tópico

a.) “...escolhidos por rigoroso concurso. “ – e ponto final, pois ...”sem práticas de compadrinhagem e tráfico de influência;” é obrigação da administração.

b) difundir como? No significado está estender, espalhar, divulgar, propagar, Acho que teria que ser mais exemplificado. Propagandas, nas falas dos políticos, em projetos sociais, nos outdoors, nos programas, no que ?

c) o que seria permitir acesso????

d) Tv estrangeiros e ponto final.

e) aeeeeeeeee!!!!!!!!!!!!

f) aeeeeeeeeeeee!!!!!!!

E MAIS

Exigir em todas as televisões legendas para surdos.

Criar programa de orientação para o bom uso da internet, ensinando a todos como usar esse portal de informações. Nossa biblioteca mundial.

Em horários de pico exibir curtos programas educativos sociais.

Comunicação com cultura. Reeducar nossas manchetes. Mostrar a cultura do mundo e principalmente a nossa, as pessoas vivenciam alguns dos mesmos problemas no mundo todo.

Informar ações governamentais, informar leis que estarão sendo votadas, pedir opinião da população em horário nobre em todas as redes abertas de televisão e rádios por algum 0800, ou algum site, ou carta, ou sedex, fazendo exercer de uma forma mais válida nossa escolhida democracia.


Quase todas as famílias brasileiras assistem a TV brasileira, no conjunto da chamada educação esse meio de comunicação é muito importante contando que um aluno fica metade do tempo na escola e a outra metade com a possibilidade de ver a TV . Por isso precisamos rever, atualizar, ser mais crítico com o que querermos que entre nas nossas casas.
Caro Moderador,

Tenho sentido a falta de uma linguagem mais colorida, mais arejante, mais tropical como os verdes o são. Tá tudo muito tecnicista, tecnocrático, tudo politicamente correto, tudo muito usual como outros partidos, principalmente neste ítem CULTURA. Não vejo nada de "cultural" aqui. A primeira frase já denota a falta de contato epidérmico com a área. Hoje se fala na imensa riqueza da DIVERSIDADE CULTURAL.

E por aí vai.....

Desculpem-me, mas o Século XXI exige outra postura, gestos e outra semiótica, com seus próprios signos e significados. O petismo-operário nivelou por baixo a Cultura Brasileira nestes últimos anos, uma lástima.

Responder à discussão

RSS

© 2019   Criado por Administrador FVHD.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço